Publicado em 2 de novembro de 2017 | 19:14
Jovem oferece carona a desconhecido via WhatsApp e é achada morta em MG
jovem_oferece_carona_a_desconhecido_via_whatsapp_e_e_achada_morta-alto-do-do-rodrigues-macau-extremoz-parnamirim-macaiba-assu-joao-camara-lajes-angicos-mossoró-areia-barnca-assu-pendencias-jucurutu-ipanguaçu-açu-petrobras-MP-PF-processo-operação-manus-lama-nas-ruas-prefeito-prefeitura-carnaubais-porto-do-mangue-umarizal-guamaré-abelardo-flavio-veras-ivan-padilha-junior-benevides-tulio-lemos-teteu-tiago-doutor-gustavo-deputado-george-souza-polícia

Depois de um pedido de carona por meio de um grupo do WhatsApp, uma jovem, identificada como Kelly Cristina Cadamuro, 22 anos, foi encontrada morta, nesta quinta-feira (2), em um córrego entre as cidade de Frutal e Itapagipe, no Triângulo Mineiro. A vítima estava desaparecida desde ontem (1º). Ela foi vista pela última vez em Guapiaçu, no interior de São Paulo.

Segundo informações da Polícia Militar, Kelly teria dado carona a um homem, que não era conhecido dela. Câmeras do circuito de segurança de um pedágio registraram o momento em que a jovem dirigia o carro na estrada. Minutos depois, o mesmo veículo retorna, já sem a garota, mas com um rapaz conduzindo.

De acordo com o G1, a calça da jovem foi encontrada cerca de três quilômetros de distância do corpo. A polícia também afirmou que a moça entrou em contato com a família quando parou para abastecer o veículo em um posto de combustíveis na BR-153. A corporação encontrou o carro de Kellu abandonado e sem as quatro rodas, o rádio e o step em uma estrada rural entre São José do Rio Preto e Mirassol (SP). (Noticias ao Minuto)

.

fim-de-ano-chuvoso-no-nordeste-brasileiro-emparn-la-nina-alto-do-do-rodrigues-macau-extremoz-parnamirim-macaiba-assu-joao-camara-lajes-angicos-mossoró-areia-barnca-assu-pendencias-jucurutu-ipanguaçu-açu-petrobras-MP-PF-processo-operação-manus-lama-nas-ruas-prefeito-prefeitura-carnaubais-porto-do-mangue-umarizal-guamaré-abelardo-flavio-veras-ivan-padilha-junior-benevides-tulio-lemos-teteu-tiago-doutor-gustavo-deputado-george-souza-polícia